Qualquer combustível errado em tanque inapropriado pode gerar um grande prejuízo. A mistura de gasolina com diesel não nos deixa enganar.

Todo mundo pode cometer o engano um dia, por mais que pense que não. O descuido de misturar gasolina com diesel acontece com mais frequência do que se possa imaginar.

Se alguém abastece um veículo SUV Flex com diesel, por exemplo, o guincho inevitavelmente precisará ser chamado. Aí o prejuízo pode ser grande.

Para começo de conversa, é preciso ter em mente que o combustível errado deve ser completamente retirado do tanque.

E atenção: não adianta remover apenas a quantidade abastecida no momento do erro. Toda a mistura precisa, com urgência, ser extraída.

Uma recomendação muito importante é não remover essa combinação de combustíveis sem conhecimento. Qualquer equívoco causado por leigo pode gerar grandes problemas.

Veículos novos, inclusive, têm um sistema de segurança que impede a extração do líquido pela boca do tanque. Este recurso de segurança é imprescindível para evitar que o combustível vaze em um capotamento.

Gasolina versus Diesel

Ambos provêm do petróleo. O diesel, no entanto, é refinado de maneira diferente, por isso exigindo um motor apropriado, geralmente com diferentes padrões de compressão e de mistura ar-combustível.

Por outro lado, os motores diesel fazem a compressão do ar para acender combustível, ao invés de o fazer com faíscas, caso da gasolina. Esta é a principal diferença entre ambos.

E então, o que fazer quando há a mistura de ambos?

A boa notícia é que é muito difícil que alguém coloque diesel em um tanque de gasolina acidentalmente.

O diâmetro do bico da mangueira do diesel é maior, sendo bastante complicá-lo fazer o encaixe no tanque de gasolina.

Entretanto, se por ventura ocorrer a mistura de fato, a primeira providência é não ligar o veículo sob qualquer hipótese. Ele precisará ir rebocado a um bom mecânico.

O profissional irá fazer corretamente a drenagem no tanque, com os equipamentos apropriados e sem gerar riscos.

Já a colocação de gasolina em um carro a diesel irá causar danos, mas sempre dependerá da quantidade de gasolina injetada.

Se for inserida uma quantia considerável (mais de uma quarta parte do depósito), é possível que o motor ligue, mas vai parar imediatamente.

Será preciso esvaziar o combustível, limpando o circuito e o filtro. Se o combustível chegar ao catalisador, poderá danificá-lo e precisará ser trocado.

Se o combustível chegar ao catalisador, poderá danificá-lo e precisará ser trocado.

É preciso atenção. Cometer erros de trocas de combustíveis seguidamente reduz a vida útil dos motores, que exigirão reparações nem sempre baratas.

O diesel é mais denso que a gasolina, por isso lubrifica mais. A gasolina é fina, tem menos lubrificação e uma capacidade de explosão maior, motivo pelo qual os componentes do motor podem ser facilmente deteriorados.

Conheça a Centenário Diesel

A Centenário Diesel é um TRR (Transportador Revendedor Retalhista)certificado, no mercado desde 1982. Além do diesel (BS-500; BS-500 aditivados; S-10; S-10 aditivados e marítimo), também comercializamos o Arla 32. Vamos conversar? Você pede, a gente abastece.

gasolina-óleo-diesel